SENHORA DE 91 ANOS TROCA QUIMIOTERAPIA POR BOTAR O PÉ NA ESTRADA E CURTIR A VIDA

Compartilhe este post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter

É sempre comovente ouvir histórias de casais que, após passarem uma vida toda juntos e envelhecerem lado a lado, adoecem e muitas vezes falecem também juntos, separados por dias ou meses. A americana Norma, de 91 anos, porém, resolveu dar uma reviravolta nesse padrão, sem deixar a emoção de lado, mas substituindo a melancolia pela aventura.

Após a morte de seu marido, com quem passou 67 anos casada, em Julho de 2015, Norma descobriu um câncer nos ovários. Quando o médico lhe ofereceu as opções de tratamento, no lugar de se submeter às cirurgias e à quimioterapia – das quais ela poderia sequer sobreviver – Norma decidiu elegantemente recusar a proposta e botar o pé na estrada, para curtir a vida que lhe resta.
E é na estrada que Norma pode ser encontrada desde então. Juntaram-se a ela na aventura de cruzar os Estados Unidos seu filho Tim e sua nora Ramie. A família saiu do Michigan em um trailer em agosto do ano passado e, passados quase sete meses, eles seguem na estrada. Já visitaram diversos símbolos americanos, como o Monte Rushmore, o Parque Nacional de Yellowstone, as montanhas rochosas, passearam de lancha e até andaram de balão!
Norma completou 91 anos na estrada e, ainda que auxiliada por uma cadeira de rodas, garante que está muito bem, e que não há previsões para o fim da viagem. Quem sabe eles não decidem atravessar fronteiras e seguir mundo a fora?
Quem quiser acompanhar a viagem de Norma, pode segui-la no Facebook – e quem quiser seguir seu exemplo, vale lembrar que não precisa ter 90 anos e um diagnóstico para tal coisa. A hora é sempre agora.
Fonte: Casadaptada

Explore mais

Qualidade de Vida

10 mitos da esclerose múltipla

Por Maurício Brum, da Redação AME/CDD   Você certamente já ouviu falar da esclerose múltipla. Mas, até pelo nome da doença e pelo desconhecimento sobre