AME - Amigos Múltiplos pela Esclerose

LIGUE (11) 3181-8266

PORQUE MANTER UM DIÁRIO DE SINTOMAS

PORQUE MANTER UM DIÁRIO DE SINTOMAS

Os sintomas de esclerose múltipla (EM) vêm e vão. Um dia você está bem, mas no outro você pode estar muito cansado para sair da cama. Muitas coisas podem afetar a maneira como você se sente, do tempo aos medicamentos que você toma. Um diário pode ajudá-lo a rastrear seus sintomas e procurar padrões que possam explicar por que eles estão acontecendo.

Velho caderninho?

Seu diário não precisa ser cheio de tecnologia. Você pode escrevê-lo à mão em um caderninho que você pode manter perto da sua cama. Mantenha um registro de como você se sente todos os dias e o que você estava fazendo quando seus sintomas começaram. Você pode escrever: “Ontem eu fui às compras, mal dormi ontem à noite, hoje meus sintomas eram piores, meu braço esquerdo estava mais fraco do que o meu direito”.

Se você curte o digital, vá em frente

Aplicativos gratuitos podem ajudá-lo a gerenciar sua EM no seu smartphone ou tablet. Alguns permitem que você acompanhe seus sintomas junto com seu nível de energia, humor, medicamentos e atividade. Outros sincronizam a maneira como você se sente com a previsão do tempo do dia e permitem que você compartilhe seu diário com o seu médico.

Aprenda os sinais de EM

Para manter um registro preciso, você precisa saber o que procurar. Alguns sintomas comuns de EM podem ter:

Fadiga intensa que começa no início da manhã ou vem de repente e piora

Fraqueza nas pernas e nos pés que dificulta a caminhada

Entorpecimento ou formigamento nos braços, pernas ou face

Rigidez e espasmos musculares

Visão dupla ou turva, ou movimentos oculares rápidos

Tonturas e problemas de equilíbrio

 

Que informações você deve incluir?

Sob o dia e a data, anote o sintoma e adicione detalhes como:

Quando começou e terminou

Se foi algo novo ou você já teve antes

Quão grave foi em uma escala de 1 a 5

O que estava acontecendo quando começou (por exemplo, um dia quente ou você estava se exercitando)

Como isso afetou sua atividade

O que você fez para tratá-lo, e se isso ajudou

 

Monitorar seus medicamentos

Drogas que retardam a sua doença ou tratar recaídas podem ajudá-lo a controlar seus sintomas. Mantenha um registro em seu diário de cada medicação e suplemento que você tomar. Anote a dose, se ela ajudou seus sintomas e quais os efeitos colaterais que você notou depois de tomá-lo.

 

Como o tempo faz a diferença

A sua visão fica embaçada ou você se sente mais cansado quando a temperatura sobe? Alguns aumentos dos sintomas estão ligados ao calor e são geralmente temporários, mas eles poderiam afetar seus planos para o dia. Quando seus sintomas se intensificam, descreva o clima do dia em seu diário. Se o calor e a umidade causarem problemas, fique dentro do ar condicionado.

 

Preste atenção às suas atividades

Acompanhe suas sessões de atividades em seu diário. Anote quanto tempo você exercitou, quanto esforço você pôs nele, qual foi a sensação. obtida. Quando você faz coisas para além do seu limite, pode fazer seus sintomas pior, mas é importante permanecer ativo. Exercício pode combater a fadiga e fraqueza. Tente equilibrar períodos de movimentação com repouso.

 

Fique de olho na sua energia

Para ajudar a gerenciar sua fadiga, anote seus níveis de energia em seu diário. Acompanhe o quão bem você dormiu e como você estava cansado no dia seguinte. Compare suas atividades com a quantidade de fadiga que você sente para que você possa descobrir quando você precisa fazer uma pausa.

 

Registros Médicos para Incluir

Seus sintomas contam apenas parte da história sobre sua EM. Para um retrato mais completo, coloque os resultados de exames e recomendações médicas em seu diário. Alguns aplicativos compilam seus registros médicos para você.

Peça ao seu médico uma cópia de:

Relatórios de ressonância magnética (RM)

Resultados do exame de sangue

Cartas de seu médico para outros especialistas

 

O que fazer quando você observar padrões

Seu diário pode revelar alguns temas comuns. Você pode notar que seus sintomas se acendem quando você se exercita fora no calor. Ou você poderia descobrir que você está mais cansado no meio-dia. Aprender estas tendências irá ajudá-lo a ajustar suas atividades diárias para se ajustar à maneira que você se sente. Ele também pode ajudar o seu médico a ajustar o seu tratamento.

 

Perguntas a fazer ao seu médico

Leve o seu diário e uma lista de perguntas com você para a consulta do seu médico para obter o máximo de sua visita. Pergunte a ele:

Que padrões você vê em meus sintomas e atividades?

Estou fazendo algo que possa me fazer sentir pior?

O que mais posso fazer para controlar meus surtos?

Preciso mudar para um novo tratamento ou dose?

 

Texto original em WebMD

Traduzido e adaptado por Redação AME – Amigos Múltiplos pela Esclerose

ame

ame

A AME - Amigos Múltiplos pela Esclerose nasceu do sonho de divulgar a EM e contribuir com a busca de diagnóstico precoce, tratamento adequado e melhora na qualidade de vida dos pacientes, seus amigos e familiares. Somos uma Organização sem Fins Lucrativos que, desde 2012 reúne amigos múltiplos com uma missão de compartilhar informação de qualidade sobre a EM de forma gratuita e acessível.

VER TODOS POSTS