Manter bons hábitos com Esclerose Múltipla nem sempre é fácil

Compartilhe este post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter

Na minha humilde opinião, um dos muitos pré-requisitos para viver uma vida bem-sucedida (como você pode definir isso pessoalmente) com a Esclerose Múltipla (EM) é aprender a se organizar e manter bons hábitos. 

Hábitos que permitem que você mantenha sua vida o mais equilibrada possível e sua saúde (física e mental) o mais estável possível. Tudo isso para ajudá-lo a manter a máquina que você chama de “sua vida” funcionando sem problemas, porque quando uma parte pára de funcionar como deveria, isso geralmente significa que todas as outras partes sofrem. Levei anos para descobrir esse conceito “simples” e eu diria que mal comecei a  implementá-lo de uma maneira que realmente funcione…

Mantendo hábitos saudáveis ​​com a Esclerose Múltipla

Deixe-me colocar desta forma: eu obviamente não sei como tornar minha vida perfeita, mas eu sei como torná-la melhor. Não sei como resolver totalmente meus problemas de insônia (por exemplo), mas sei como dormir melhor para que a insônia não seja tão destrutiva para o equilíbrio incrivelmente sensível que chamo de minha vida. 

Continuando com o exemplo da insônia, tenho uma série de bons hábitos que passei a adotar ao longo dos anos que mostraram (no meu caso) que ajudam a melhorar a qualidade do meu sono. Como resultado, isso ajuda a manter “a máquina” funcionando. No entanto, aqui reside o problema; enquanto todos os bons hábitos que desenvolvi melhoram muito minha qualidade de vida, eles só o fazem quando consigo mantê-los… assim que perco o controle de apenas um desses hábitos, o castelo de cartas que tenho cuidadosamente construído parece desabar.

Bons hábitos não são fáceis de manter

Talvez seja apenas eu, mas às vezes sinto que minha capacidade de manter minha vida com EM o mais suave possível é como andar de bicicleta velha com uma corrente solta. Parece correr bem desde que você não “empurre as coisas demais”, mas quando você o faz? Quando o equilíbrio de sua vida é interrompido um pouco por algo como um resfriado, um evento estressante ou um dia especialmente quente? É como se a corrente da bicicleta caísse e você tivesse que encostar e mexer nela até colocar as coisas de volta nos trilhos. Por outro lado? Bem, você não vai seguir em frente… Eu sinto que isso acontece principalmente por uma razão: manter os bons hábitos que “impedem que a corrente da sua bicicleta caia” ou “impede que o castelo de cartas que você construiu caia”? Não é fácil…

A Esclerose Múltipla dificulta a disciplina

É aqui que me esforço para encontrar uma resposta. Não muito tempo atrás, eu teria me gabado de quanta autodisciplina eu tenho. Eu era organizado, bom em cumprir uma agenda rígida e bom em não me deixar desviar de nenhum dos bons hábitos que compunham minha vida. Mas, em algum momento, isso mudou… e não tenho certeza se isso é um reflexo de eu ter perdido minha autodisciplina ou da Esclerose Múltipla simplesmente tornar mais difícil permanecer tão disciplinado quanto antes. Basicamente, ou eu perdi a autodisciplina que eu já tive, ou minha vida com EM agora exige muito mais autodisciplina do que eu já tive? Eu honestamente não sei a resposta, isso porque eu posso elaborar bons argumentos para ambas as possibilidades…

Não é preciso muito para me tirar da pista

Independentemente disso, isso é meio que fora do ponto que estou tentando fazer. Meu argumento é que, pelo menos para mim, criar um bom hábito para ajudar a melhorar algum aspecto da minha vida com Esclerose Múltipla normalmente é bastante simples, e implementá-lo geralmente é fácil. 

Mas mantê-lo? Isso é realmente difícil, porque não parece demorar muito para me tirar da pista, e imagino que a maioria dos outros possa dizer o mesmo. Quando o peso de sua fadiga aumentou exponencialmente, quando o impulso de sua vertigem se tornou muito mais violento do que o normal, ou quando uma das inúmeras outras características da EM o derrubaram, pode ser difícil manter os bons hábitos que você sabe que servem a um propósito importante. Isso desempenha algum tipo de papel fundamental em manter a máquina que é sua vida funcionando sem problemas. Ainda estou tentando descobrir uma solução sólida para isso…

Como manter bons hábitos com Esclerose Múltipla?

Você sente que sua vida com Esclerose Múltipla é facilmente desviada dos trilhos? Como se você gastasse todo esse tempo construindo um castelo de cartas com bons hábitos para gerenciar sua EM apenas para vê-lo desabar em uma instância assim que uma coisinha minúscula não se alinhasse corretamente? Como você mantém bons hábitos e não se afasta deles? Compartilhe sua experiência e dicas conosco!

 

Leia mais no site da AME:

Tradução e adaptação: Redação AME – Amigos Múltiplos pela Esclerose

Fonte: Multiple Sclerosis Net

Escrito por Matt Allen G, em 26 de setembro de 2019

Explore mais

Qualidade de Vida

10 mitos da esclerose múltipla

Por Maurício Brum, da Redação AME/CDD   Você certamente já ouviu falar da esclerose múltipla. Mas, até pelo nome da doença e pelo desconhecimento sobre