7 dicas para gerenciar a esclerose múltipla na vida cotidiana | AME - Amigos Múltiplos pela Esclerose

AME - Amigos Múltiplos pela Esclerose

ENTRE EM CONTATO [email protected]
LIGUE (11) 3181-8266

7 dicas para gerenciar a esclerose múltipla na vida cotidiana

7 dicas para gerenciar a esclerose múltipla na vida cotidiana

Se vive com esclerose múltipla (EM), manter seu bem estar e independência pode envolver uma mudança na maneira como você faz algumas coisas. Você pode achar útil ou necessário ajustar áreas de sua casa e estilo de vida para tornar as tarefas diárias mais fáceis e menos cansativas.

Focar no bom autocuidado também faz a diferença. Seguir uma dieta bem equilibrada e manter movimento físico regular pode reduzir o impacto dos seus sintomas.

Aqui estão sete dicas diárias para gerenciar a EM:

  1. Crie conveniência

Criar conveniência reduz as demandas diárias de sua energia. Você pode se surpreender com a pouca mudança que pode fazer uma grande diferença. Aqui estão alguns exemplos simples que podem ser úteis, dependendo de suas próprias circunstâncias individuais:

– Mantenha um diário – escrito à mão ou digital – para que todas as informações necessárias sobre sua condição estejam em um só lugar;

– Considere usar o software de voz em texto para não precisar digitar no seu computador, caso ache necessário;

– Coloque os itens que você usa com mais frequência em locais mais fáceis de alcançar;

– Considere usar ferramentas de terapia ocupacional para ajudar em tarefas motoras finas, como calçar meias e abrir frascos;

– Invista em um frigobar no quarto em que você passa a maior parte do tempo;

– Use um aplicativo para smartphone para agendar lembretes;

*Lembre-se de que você pode pedir ajuda a amigos e familiares. Eles podem ajudá-lo a reorganizar ou fazer compras com você para qualquer coisa que você precise fazer alterações orientadas por conveniência.

  1. Planeje o conforto

Muitas pessoas que vivem com EM são sensíveis a mudanças de temperatura. Seus sintomas podem piorar quando você está muito quente. Esta pode não ser uma progressão real da doença, o que significa que seus sintomas provavelmente melhorarão quando o calor for reduzido.

Para ajudar a evitar superaquecimento, considere estas opções:

– Experimente roupas de clima quente que te ajudem a permanecer fresco;

– Compre um colchão mais firme com uma superfície de resfriamento ou compre almofadas de resfriamento para o seu colchão existente;

– Tome banhos frios;

– Mantenha-se hidratado para que seu corpo possa regular melhor sua temperatura;

– Também é útil simplesmente usar ventiladores ou ar condicionado em sua casa.

Quando se trata de manter seu corpo confortável dia ou noite, algumas dicas de conforto podem ajudar:

– Durma com um travesseiro sob os joelhos para reduzir a pressão nas costas;

– Alongar-se diariamente pode ajudar a aliviar a dor e a espasticidade muscular;

– Crie a força do seu core para reduzir as dores nas costas, articulações e pescoço.

  1. Economize energia

A fadiga é um sintoma comum da EM. Lembre-se de andar com calma durante o dia e fazer pausas, conforme necessário. Você também pode fazer essas alterações na maneira de concluir as tarefas de rotina:

– Trabalhe sentado, conforme necessário, como ao dobrar a roupa;

– Use um carrinho para arrumar e limpar a mesa ou guardar a roupa;

– Mantenha os materiais de limpeza em todos os cômodos, em vez de transportá-los pela casa;

– Use um banco de banho e um chuveiro removível para que você possa se sentar enquanto estiver tomando banho;

– Evite sabão em barra que pode escorregar e fazer com que você precise alcançá-lo, escolha um distribuidor de sabão líquido.

– Compre roupas de cama leves para menos restrições aos seus movimentos.

  1. Pense em segurança

Certos sintomas comuns da esclerose múltipla, como problemas reduzidos de controle e equilíbrio do motor, podem afetar sua segurança física. Converse com seu médico se tiver sintomas que podem colocá-lo em risco de queda.

Se você ou o seu médico tiverem preocupações, pode ajudar a se proteger com algumas adptações básicas em sua casa e alterações em seus hábitos:

– Compre sapatos confortáveis ​​com bom piso;

– Use um tapete de banho antiderrapante;

– Certifique-se de que aparelhos como sua chaleira, cafeteira e ferro tenham um desligamento automático;

– Aponte os utensílios afiados para baixo ao carregar uma máquina de lavar louça;

– Sempre deixe a porta do banheiro destrancada;

– Mantenha seu telefone celular com você o tempo todo;

– Adicione corrimãos extras onde eles possam ajudar, como nas escadas ou no banheiro;

*Lembre-se de compartilhar suas preocupações sobre cair com a família e os amigos. Eles podem verificar se você está gastando tempo sozinho.

  1. Procure manter-se ativo

Embora a fadiga seja um sintoma comum da EM, o exercício pode ajudar. O exercício também melhora sua força, equilíbrio, resistência e flexibilidade. Por sua vez, você pode achar que melhora a mobilidade. A atividade física também reduz o risco de certos diagnósticos secundários, como doenças cardíacas.

*Lembre-se de que o exercício não precisa ser intenso cardio ou pesos pesados ​​para ser benéfico. Pode ser uma atividade mais delicada, como jardinagem ou tarefas domésticas. Seu objetivo é se manter ativo e mudar todos os dias.

  1. Procure se alimentar bem

Uma dieta saudável é boa para qualquer pessoa, mas quando você vive com uma condição crônica como a EM, comer corretamente é ainda mais importante. Uma dieta equilibrada e rica em nutrientes ajuda todo o seu corpo a funcionar melhor.

Coma uma variedade de frutas, vegetais e fontes de proteína magra todos os dias. Você também precisará comer uma mistura de carboidratos – procure opções de grãos integrais, como aveia ou pão integral – juntamente com fontes de gorduras saudáveis, como nozes, abacate ou azeite de oliva extra virgem.

Converse com seu médico sobre se eles recomendam suplementos específicos. Algumas pessoas que vivem com EM tomam alguns suplementos para ajudar, porém nunca tome um novo suplemento sem informar o seu médico.

  1. Treine seu cérebro

A EM pode causar comprometimento cognitivo, o que, por sua vez, pode levar a maiores dificuldades no gerenciamento da vida cotidiana. Mas pesquisas anteriores sugerem que você pode tomar medidas para treinar seu cérebro e melhorar a função cognitiva geral.

Em um pequeno estudo realizado em 2017, os participantes com EM usaram um programa de treinamento cognitivo neuropsicológico assistido por computador. Aqueles que completaram o treinamento mostraram melhora na memória e fluência fonética.

Você não precisa fazer parte de uma pesquisa para experimentar o treinamento cognitivo. Existem várias opções para diferentes tipos de treinamento cognitivo que você pode tentar em casa, como trabalhar em quebra cabeças e jogos mentais, estudar um segundo idioma ou aprender um instrumento musical. Essas atividades não foram necessariamente comprovadas para ajudar com os sintomas da esclerose múltipla, mas colocarão seu cérebro para funcionar.

Alterações simples em sua casa, hábitos e rotinas diárias podem fazer uma grande diferença quando se trata de gerenciar sua vida com a EM. Procure tornar seu ambiente mais conveniente e seguro, tome medidas para comer saudavelmente e faça o máximo possível de atividade física ao longo do dia.

Entre em contato com sua família e amigos para obter ajuda quando precisar e procure orientação do seu médico. Ao dedicar tempo e energia para cuidar de si mesmo, você pode reduzir o impacto de seus sintomas e se sentir mais saudável em geral.

Fonte: Healthline – Traduzido e adaptado – Redação AME – https://www.healthline.com/health/multiple-sclerosis/daily-tips-managing-ms?slot_pos=article_1&utm_source=Sailthru%20Email&utm_medium=Email&utm_campaign=multiplesclerosis&utm_content=2020-05-07&apid=25217634#5

Acreditamos que a #InformaçãoÉOMelhorRemédio e, para que  possamos manter (e melhorar) a qualidade do trabalho falando sobre saúde, precisamos também da sua ajuda. Quanto custa ajudar a melhorar o mundo de quem tem uma condição crônica de doença?!

CONTRIBUA CLICANDO AQUI! <3

ame

A AME - Amigos Múltiplos pela Esclerose nasceu do sonho de divulgar a EM e contribuir com a busca de diagnóstico precoce, tratamento adequado e melhora na qualidade de vida dos pacientes, seus amigos e familiares. Somos uma Organização sem Fins Lucrativos que, desde 2012 reúne amigos múltiplos com uma missão de compartilhar informação de qualidade sobre a EM de forma gratuita e acessível.

VER TODOS POSTS