Engenheiro investe em novas tecnologias para cadeirantes

Compartilhe este post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter

O engenheiro Julio Oliveto desenvolveu um sistema de motorização capaz de ser instalado em qualquer cadeira de rodas manual e transformá-la em um triciclo elétrico.

A ideia do Kit Livre, nome do protótipo, surgiu quando Oliveto iniciou seu mestrado em Engenharia Mecânica na Unesp (Universidade Estadual de São Paulo), em 2009. “Busquei desenvolver o 'Kit' por me identificar com a área de Tecnologia Assistiva’’, diz o empresário.

O projeto levou mais de três anos para sair do papel. Após vencer o prêmio Santander de Empreendedorismo em 2014, Oliveto decidiu investir na produção do Kit Livre em escala.

“Posso usar de minha criatividade, trabalho e perseverança em prol da inclusão efetiva de uma parcela da população’’, comenta Julio.

A fabricação de cada Kit é feita por encomenda e leva, em média, 30 dias para ser entregue. Segundo o empresário, já existem mais de 150 triciclos motorizados em pelo menos 14 Estados do país, e até fora do Brasil.

Além de facilitar a locomoção do cadeirante, os Kits são ajustáveis às necessidades do usuário. Assim, pessoas com baixa mobilidade nos braços e mãos podem acelerar e frear o triciclo com as pernas e vice-versa.“Trabalho focado em proporcionar liberdade, alegria e felicidade”, afirma Oliveto. “O sorriso livre é a nossa grande proposta de valor’’.

Os triciclos permitem uma autonomia média de 25 km, podem chegar a 20 km/h e suportam usuários de até 150 kg. A compra pode ser feita pela loja online do Kit Livre e também pelos sites das Casas BahiaPonto Frio e Extra.

https://queminova.catracalivre.com.br – 02/05/2016.

Explore mais

Qualidade de Vida

10 mitos da esclerose múltipla

Por Maurício Brum, da Redação AME/CDD   Você certamente já ouviu falar da esclerose múltipla. Mas, até pelo nome da doença e pelo desconhecimento sobre