Compartilhe este post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter

Considero que o Dia da Consciência Negra 20 de novembro seja todo o dia, pelo menos para  mim, porém, essa data marca o dia da morte de Zumbi dos Palmares um dos grandes líderes na luta contra a escravidão é dia de lembrar a história de luta do negro, porém, essa luta está longe de acabar, o Brasil é um país cuja população negra é grande e o racismo infelizmente em alguns casos é equivalente. Frases como:  No Brasil não existe racismo, você não é exatamente negra ou comentários como: o lugar dela ou dele não é aqui dentre tantos outros.

Desde pequena minha mãe me ensinou que, eu sou capaz e que posso chegar aonde eu desejar, mas para isso eu teria que estudar me dedicar e não deixar que o tom da minha pele fosse visto como um empecilho visto que, da cor da minha pele só tenho orgulho. A menina virou mulher e durante meu esse meio tempo fui sim vítima de racismo, era muito nova lembro que aquilo doeu muito, afinal eu sabia que a cor da minha pele não me fazia menor que ninguém admito, demorou, mas consegui tirar do peito aquela dor.

Virei a página precisava seguir em frente. Seja em relacionamentos entrevistas de emprego há sim uma separação e infelizmente  às vezes levam vidas, nossa luta por respeito e igualdade é constante, mas sabe mesmo ciente de todas as tristezas e obstáculos que ainda enfrentamos, eu fico feliz em ver a crescente força do empoderamento do negro hoje em dia em todas as áreas profissionais e na TV, digo sem pudor algum tenho muito orgulho de ver o negro ganhando cada vez mais espaço e não só como o bandido da trama. Atores maravilhosos como Milton Gonçalves, Lázaro Ramos, Taís Araújo, Lucy Ramos, Juliana Alves,  , Maicon Rodrigues, Jennifer Nascimento, Iza no jornalismo Maju Coutinho,  Zileide Silva da Luz bom, esses são só alguns exemplos dos nomes que me dão orgulho de dizer e ver nas telas. É bom saber e ver que hoje as crianças negras hoje em podem ligar a TV ou acessar a internet e não ter tanta dificuldade em encontrar pessoas para se espelharem além do grande espelho que muitas vezes tem dentro da própria casa. Mães e pais guerreiros que trabalham todos os dias e incentivam os filhos a estudar a buscar um caminho uma vida melhor seguindo um caminho digno, através da educação. O tom da sua pele não define quem você é ou será, mas suas escolhas e suas atitudes.

Mais uma vez o tempo passou novamente me deparei com uma situação que me marcou aos 24 anos fui diagnosticada com esclerose múltipla, uma doença que na época era desconhecida e como sequela me deixou com uma fraqueza na perna na época eu mal conseguia ir da sala ao banheiro sozinha. Hoje estou melhor depois de iniciar o tratamento muitas sessões de fisioterapia, mas principalmente, entendi e aceitei meu diagnóstico sabia que essa seria mais uma página  para um uno capítulo que estava começando em minha vida. Uma nova história novos desafios a serem superados. Eu digo sou mulher negra tem muito orgulho da minha cor e da história de  resistência e luta do povo negro e sim uma deficiência, mas ela não me define, gosto de pensar que minha história está só no começo, pois, todo dia é um novo aprendizado.

Explore mais