QUAL É O SENTIDO DA VIDA

"O sentido da vida é estar vivo. E tão claro, tão obvio e tão simples.

Mesmo assim, todo mundo não para de correr em pânico, como se fosse necessario conseguir alguma coisa além de si proprio."

Alan Watts

​Eu estou devendo esse post já tem alguns dias e a cada dia reflito no assunto que vou abordar aqui com vocês meus amigos múltiplos.

Só que hoje quando acordei, vi uma notícia no meu Facebook que gostaria que tivesse sido um pesadelo mas infelizmente não era, meu amigo guerreiro de faculdade nos deixou.
Desde que fizemos faculdade em 1996 ele lutava com problemas no rim e sonhava com um transplante. Eis que o sonho daquele menino alegre e brincalhão, se tornou realidade e ele acreditou que tudo estaria resolvido.
Há exatos 6 meses ele começou a colocar coisas no Facebook para demonstrar que estava cansado dessa luta, mas conversando com ele também demonstrou que não iria desistir. Havia descoberto que seu rim transplantado estava com nefrite, uma infecção sem cura, que esse rim não estava mais segurando então faria hemodiálise novamente e entraria para a fila de transplante mais uma vez.
Tentei anima-lo para não perder a sua garra que sempre foi exemplo pra todos nós.
Era uma pessoa muito alegre, transbordava carinho e por onde passava ganhava amigos.
Louco por futebol e pelo que se comentam, foi um excelente jogador. Na faculdade estava sempre pronto para fazer uma graça, ter uma nova tirada de algum fato ou de alguém, com muita inteligência e carinho sempre, nada de desrespeito com alguém.
Quando pensei no que escrever, sobre como o nosso tempo vivendo com esclerose múltipla modifica o sentido do próprio tempo. Porque acredito que vocês já perceberam que um dia não é igual ao outro quase nunca, na vida de ninguém é, mas eu já notei que na nossa vida é muito mais comum, irmos dormir super bem e de repente acordar e não nos sentir tão bem assim.
Por isso adotei um lema pra minha vida que é de uma canção infantil " agora não, já!". Se estou bem e bate aquela vontade de fazer alguma coisa e alguém fala : – Mas hoje ainda é segunda feira !
Mas é hoje que estou bem pra isso, amanhã já não tenho certeza.
Vocês podem estar pensando que é um certo exagero da minha parte, e pode até ser. Porém, quando você acorda e percebe que não está bem, já precisa desmarcar seus compromissos e não sabe quando vai poder voltar a cumpri-lo, dependendo do grau do que aconteceu é que a gente pensa, o tempo é precioso para nós e não podemos deixá-lo passar para vivermos momentos de alegria e prazer. Porque acredito que o sentido da vida seja somente esse, deixar aqui que você soube aproveitar cada momento, para transpassar aos outros à alegria de viver, cada um com os seus problemas, mas nunca deixando que eles nos apague a luz da vida.
Foi assim que convivi com o Flaviano, mesmo de longe sempre demonstrou que seus problemas ainda eram menores que a vontade de viver. Lutou até onde sua luz aguentou, hoje escrevo esse texto em homenagem a ele e a todos que lutam pela vida.
Infelizmente sua luz aqui nesse mundo se apagou, mas tenho certeza que vai brilhar por onde passar.
Com todo meu pesar, deixo minha admiração à você Flaviano.
Fabi.