AME - Amigos Múltiplos pela Esclerose

LIGUE (11) 3181-8266

Síndrome de Uhthoff: um resumo para recordar (ou descobrir) os pontos mais importantes

Síndrome de Uhthoff: um resumo para recordar (ou descobrir) os pontos mais importantes

Conhece a síndrome de Uhthoff? As pessoas com esclerose múltipla podem vivenciar  mudanças clínicas em relação à temperatura elevada do corpo, seja essa variação causada por fatores externos (meses de Verão, chuveiro quente, etc) ou por fatores internos (febre, exercício intenso, menstruação). O aumento da temperatura na condução nervosa pode atrasar, ou bloquear os impulsos nos nervos afetados.

Você já experimentou sensações estranhas na pele? Como você descreveria o que sentiu? Sabia que essa sensação pode ser  considerada estranha pela maioria das pessoas? Algo do tipo: “Formigamento, queimação ou coceira como sintomas da esclerose múltipla? O que está acontecendo aqui?”.

A neuralgia do trigêmeo, sem sintomas materiais de boa qualidade em pessoas com EM,  por um desconforto intenso na região facial.

Outros três estudos que abordam a depressão, também destacam o fato de os sintomas mudarem com o tempo em pessoas com esclerose múltipla remitente recorrente (EMRR), disfunção sexual feminina, sendo influenciada pela duração e gravidade da doença, de acordo com o andamento da esclerose múltipla e mudando de acordo com a disfunção ambulatorial de cada paciente.

A síndrome de Uhthoff  é um sintoma de esclerose múltipla caracterizada pelo agravamento ou obscurecimento da visão causado por um aumento da temperatura, geralmente associado ao exercício ou superaquecimento.

Foi nomeado após um neuro-oftalmologista alemão chamado Wilhelm Uhthoff (pronunciado ut-hof), que descreveu pela primeira vez em 1890. É também chamado fenômeno de Uhthoff ou sinal de Uhthoff.

O que causa a síndrome de Uhthoff?

À medida que a temperatura do corpo aumenta, a capacidade de os nervos danificados conduzirem os impulsos é reduzida.

As fibras nervosas danificadas pela EM conduzem mensagens de e para o cérebro muito mais lentamente, se é que o fazem. Um aumento na temperatura do corpo pode fazer com que as mensagens parem de ser enviadas ou sejam enviadas ainda mais devagar, o que piora os sintomas até que a temperatura corporal volte ao normal.

O agravamento e desfoque da condição de visão geralmente resolve sozinho com o repouso.

Como administrar a síndrome de Uhthoff

Não há tratamento para a síndrome de Uhthoff, exceto para evitar o superaquecimento do corpo. Todos os pacientes com EM que são afetados por esse fenômeno devem definir seus limites durante o exercício e a melhor hora do dia para se exercitar (as manhãs são geralmente melhores para a maioria dos pacientes com EM).

Usar coletes e roupas de resfriamento, tomar banhos ou chuveiros frios, chupar cubos de gelo, usar ar-condicionado ou ventilador também ajuda a reduzir a temperatura corporal.

Avempo e Multiple Sclerosis News Today. Traduzido livremente.

ame

A AME - Amigos Múltiplos pela Esclerose nasceu do sonho de divulgar a EM e contribuir com a busca de diagnóstico precoce, tratamento adequado e melhora na qualidade de vida dos pacientes, seus amigos e familiares. Somos uma Organização sem Fins Lucrativos que, desde 2012 reúne amigos múltiplos com uma missão de compartilhar informação de qualidade sobre a EM de forma gratuita e acessível.

VER TODOS POSTS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *