AME - Amigos Múltiplos pela Esclerose

LIGUE (11) 3181-8266

10 perguntas sobre corticoides

10 perguntas sobre corticoides

1 – O que são esteroides? Uma classe de drogas que têm em comum sua origem, que é de um hormônio descoberto nas glândulas suprarrenais. Uma de suas principais propriedades é parar o desenvolvimento de certas reações imunes contra uma infecção.

2 – Quais as funções dos corticoides (também chamados de corticosteroides) têm efeitos em todo o corpo: em particular, tem ação anti-inflamatória e antialérgica (a partir de sua administração, as melhorias são imediatas). Além disso, mantem a concentração de açúcar no sangue, a pressão arterial e força muscular, colaborando no balanço eletrolítico entre vendas e agua.

3 – Como é a ação dessas substâncias? Estas substâncias químicas repetem a ação do cortisol humano – um hormônio produzido pelas glândulas suprarrenais, que influencia a assimilação de proteínas, carboidratos (hidratos de carbono), lipídios (gorduras) e minerais.

4 – Quais são os corticosteroides mais utilizados? Prednisona, triancinolona, hidrocortisona, betametasona, fluocinolona, clobetasol, entre outros.

5 – Alguns corticosteroides podem ter menos efeitos colaterais do que os outros, ou serem mais eficazes em alguns casos? Mesmo uma breve terapia com corticoides pode causar problemas intestinais, estomacais e digestivos. Se houver estrias, acne, insônia, edema, inconveniente hipertensos, agravamento de úlceras de estômago, etc., o médico pode decidir interromper o tratamento.

6 – Qualquer um pode tomar esteroides não? A princípio, é fundamental tomar este medicamento apenas com prescrição médica, pois a automedicação, nestes casos, pode ser extremamente perigosa para a saúde. Por outro lado, as pessoas que sofrem descompensação cardíaca, doença mental, hipertensão, acidente vascular cerebral, úlcera péptica, tuberculose e deficiência nutricional evolutivo, devem evitar a utilização de corticoides.

7 – Quais são os estilos desta substância? Oral (comprimidos) e pomadas de cortisona injetáveis​​; o tratamento deve ter sempre a supervisão de um perito qualificado, pois os esteroides podem causar certos distúrbios como mau humor, psicopatia e nervosismo.

8 – Os efeitos curativos dos corticosteróides são definitivos? No caso de tratamentos anti-inflamatórios e antialérgicos os bons efeitos curativos são transitórios, e uma vez suspensa a medicação, o processo da doença pode recorrer. Se o tratamento for interrompido abruptamente, há probabilidade de rebrota: o certo é a reduzir gradualmente a administração desta substância, para que os sintomas não apareçam novamente.

9 – É verdade que o tratamento com corticosteroides pode provocar alterações de peso? A intensidade e a duração do tratamento, além do metabolismo individual, definem seu peso.

10 – (Questão hipotética) – Quanto tempo pode demorar um tratamento prescrito pelo médico? O tratamento prolongado pode expor o paciente a complicações potenciais, tais como a osteoporose, fraqueza muscular, infecções de pele, ou a tendência a obesidade. A Dr. Monica Sosa, farmacologista, dá algumas recomendações para pacientes que estejam em tratamento, como cuidar com a alimentação. Consumir pouco sal, para evitar a retenção de líquidos (que muitas vezes traz consequências graves) e uma dieta rica em carne, legumes e frutas. Não abusar de cremes à base de cortisona, utilizando-os ao menor caso de lesão ou dor. Se pomadas ou géis são aplicados de forma incorreta ou por um longo tempo podem prejudicar a pele, causando acne, psoríase e eczema. Um especialista é aquele que sempre deve prescrever a frequência e a dose adequada para cada paciente e cada caso.

 

http://www.revistabuenasalud.com/10-preguntas-sobre-los-corticoides. Imagem: Creative Commons.

ame

A AME - Amigos Múltiplos pela Esclerose nasceu do sonho de divulgar a EM e contribuir com a busca de diagnóstico precoce, tratamento adequado e melhora na qualidade de vida dos pacientes, seus amigos e familiares. Somos uma Organização sem Fins Lucrativos que, desde 2012 reúne amigos múltiplos com uma missão de compartilhar informação de qualidade sobre a EM de forma gratuita e acessível.

VER TODOS POSTS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *