Benefícios do Óleo de Prímula no Tratamento da Esclerose Múltipla

Compartilhe este post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter

Você já deve ter ouvido falar sobre a aromo terapia e os óleos essenciais que são usados para diversos benefícios na nossa saúde. Entre eles, existe o óleo de prímula.
A prímula noturna pertence à família das plantas de panaceia. Nas sementes é onde encontramos o aspecto medicinal dessa planta, contendo uma substância oleosa eficaz. O óleo de prímula, portanto, é extraído da semente dessa planta, sendo uma fonte rica em ácido Gama Linolênico (GLA), um ácido graxo não produzido pelo nosso organismo, portanto o seu consumo é essencial.

E o que o óleo de prímula tem haver com a EM?

Há evidências de que ácidos graxos poli-insaturados estão relacionados com o processo de diminuição da inflamação, principalmente quando pensamos em EM, que é uma doença inflamatória. Visto isso, o óleo de prímula contém essas mesmas substâncias do ômega-3, podendo ser relacionada com esse mesmo benefício na doença.

Vale lembrar que somente o óleo de prímula não faz milagre. Para ter de fato esse benefício, deve estar associado com uma alimentação equilibrada e bons hábitos de vida. Não existe uma recomendação diária estabelecida para o consumo deste óleo. Portanto, é essencial procurar um profissional qualificado para te dar orientações corretas e realizar o ajuste das dosagens de acordo com o seu caso.

Explore mais

presente inesperado
blog

Presente inesperado

E lá se vão 14 anos… A vida me presenteou com o diagnóstico da  Esclerose Múltipla e o presente, a princípio, era grande e pesado.

Conexão
blog

Conexão que transforma

O momento que recebi o diagnóstico de Esclerose Múltipla foi um divisor de águas na minha vida. Esse foi um ponto de virada de chave.