Dicas para Reduzir o Inchaço dos Corticoides

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter

A inflamação é uma resposta natural do corpo para defesa de situações como lesões, infecções e a presença de substâncias estranhas. Porém na EM, o sistema imune não funciona de forma correta, e a resposta inflamatória prejudica seus próprios tecidos, causando rigidez, inchaço, calor, dor e sensibilidade em diferentes partes do corpo.

Os remédios corticoides possuem ação anti-inflamatória e imunossupressoras, as quais ajudam a diminuir e/ou interromper os processos que tornam as moléculas envolvidas na sua resposta inflamatória.

Porém um de seus efeitos colaterais é o aumento da reabsorção de sódio e consequentemente de água, o que leva a um aumento de fluido extracelular, conhecido como inchaço.

Paciente com EM, geralmente fazem o uso de corticoides como tratamento, e como consequência tendem a reter líquido. Mas há maneira de aliviar essa retenção (não de extinguir ela, pois é inevitável, mas tem como amenizar) seguindo essas dicas:

Aumente o consumo de água: Tenha uma garrafa e se comprometa a encher ela e beber 2 ou 3x por dia.
Chás Diuréticos: Estes podem ter potencial diurético, se tomados com regularidade, como o Chá de Hibisco e o Chá de Gengibre.

Evitar o consumo de alimentos muito salgados nos dias de muito inchaço.

Melhore a ingestão de proteínas e controle a ingestão de carboidratos. EM alguns casos também é necessário o ajuste de potássio na dieta.

Claro que existem muitas outras técnicas e ferramentas na própria alimentação que podem dar uma ajuda e tanto, mas para essas estratégias é necessário uma avaliação individualizada para que haja uma prescrição bem pensada e equilibrada.

E você? Tem tido muito esses inchaços? Se sim, teste essas dicas por alguns dias e melhore o inchaço de forma mais efetiva!

Explore mais

Emoções

Hello, meus Raros tudo bem?

por Aline Souza Venho através desse texto compartilhar minhas experiências nos últimos tempos para ter um encaminhamento para o neurologista via SUS. O Sus é

Coronavírus

O caminho de volta

por Suzana Gonçalves Há quase dois anos fomos literalmente surpreendidos pela pandemia, dúvidas no ar… Como nossos corpos com esclerose múltipla irão se  comportar diante