O que nos afeta

Oi queridos, tudo bem?

Comigo tudo bem. Chegando com as energias renovadas depois do 2° Encontro de Blogueiros de EM, que foi em São Paulo no último final de semana. Lá nós lançamos a nossa campanha para o Dia Nacional de Conscientização da EM. E é sobre ela que eu gostaria de falar hoje. 

Quando pensávamos em uma campanha para esse ano, pensávamos na hashtag #juntossomosmaisfortes… pensávamos em como essa não é apenas uma hashtag, mas uma verdade incontestável. Sim, é verdade que existem pessoas que nos deixam pra baixo e que nos deixam mais fracos. Mas com as redes sociais, com a internet, com nosso poder de comunicação, a gente consegue encontrar rapidamente pessoas como a gente, para juntos sermos mais fortes.

Mas nós precisávamos de mais que isso. Porque isso a gente já sabia. Já tinha dito. Já tinha comprovado na segunda maior consulta pública que esse país já teve. 

E foi aí que pensamos na união. Porque não basta nos encontrarmos e sabermos que existimos se não houver união. E o que nos une?

Essa foi a pergunta que me fiz. Essa é a pergunta que me fazem sempre que digo que tenho EM e sou casada com alguém com EM. Quando me perguntam porque eu vivo colada na minha família o tempo todo. Quando me perguntam como eu consigo deixar tudo de lado quando algum amigo precisa.

Não me perguntam exatamente o que me une a essas pessoas, mas se o que faz essa união é a EM. Afinal, o Jota tem EM, eu preciso da minha família e amigos porque tenho EM… mas não. Não é a EM que nos une.

A EM nos afeta. Afeta a mim e a todos que estão a minha volta. O fato dela me afetar me fez conhecer pessoas que eu jamais conheceria, é verdade. Então a EM nos afeta, e muito. Mas o que nos une, o que nos mantém unidos, é o AFETO.

E foi assim que surgiu essa campanha, a partir daquilo que nos mantém fortes e unidos: o AFETO.

Porque LEALDADE e APOIO transformam nossa realidade.

Porque SEGURANÇA e DEDICAÇÃO transformam nossa realidade.

Porque AMOR e CUMPLICIDADE transformam nossa realidade.

E porque todas essas demonstrações de afeto nos afeta transformando nossa realidade.

Não deixe de participar da campanha. Entre no nosso face, compartilhe nossos cartões com as pessoas que transformam a sua realidade também. Imprima, escreva, compartilhe. Porque #juntossomosmaisfortes.

Até mais

Bjs

p.s.: não perca a agenda de eventos do Dia Nacional! Eu e o Jota estaremos no Hospital Moinhos de Vento, sábado de manhã, participando do III Simpósio de EM. A programação tá imperdível. Depois conto como foi.