Novos exercícios e atividades para experimentar se você tem EM

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter

Se você tem esclerose múltipla (EM), pode se sentir cansado, fraco ou com pouca energia, e os exercícios podem ser a última coisa em sua mente.

Na verdade, os exercícios têm muitos benefícios para as pessoas com EM, incluindo melhorias na força, equilíbrio, rigidez muscular e controle do intestino e da bexiga. Também pode reduzir a espasticidade da EM e pode melhorar ou retardar o comprometimento cognitivo.

É fundamental começar devagar e construir gradualmente o seu condicionamento físico. Verifique com seu médico antes de iniciar uma nova rotina de exercícios para garantir que você não está se esforçando demais. Você também pode consultar um fisioterapeuta se desejar ajuda na escolha das atividades certas para sua condição específica.

Lembre-se de que o exercício não precisa ser feito em uma academia. Aqui estão algumas outras atividades e exercícios para ajudá-lo a fortalecer seu corpo e combater a EM.

Caminhada

Muitas pessoas com EM têm distúrbios de marcha ou dificuldade para andar. Caminhar regularmente proporciona um treino cardiovascular leve e ajuda a manter seu senso de equilíbrio. Continue caminhando regularmente o máximo que puder, mesmo que seja apenas por uma curta distância. Traga um amigo ou parente para segurança se você tiver medo de cair. A caminhada na esteira é outra opção, pois você pode ajustar a velocidade e a intensidade e há corrimãos para se segurar.

Alongamento

O alongamento é bom para todos. Não apenas o ajuda a se preparar e se recuperar do exercício, mas também a manter a flexibilidade que torna os movimentos mais fáceis e reduz a chance de lesões. Se você tem EM, o alongamento também ajuda a combater a rigidez muscular. Tente alongar áreas como panturrilhas, flexores do quadril e isquiotibiais.

Exercícios na água

Seja natação ou hidroginástica, o exercício na água elimina o risco de queda que pode acompanhar a EM. Além de prevenir quedas e fornecer suporte, a água também reduz o estresse nos músculos e articulações que as atividades em terra firme podem causar. Comece com uma aula para iniciantes de baixa intensidade e progrida em seu próprio ritmo.

Exercícios de equilíbrio

A EM pode afetar seu equilíbrio, então é interessante dedicar parte do seu tempo de exercícios para trabalhar essa área. Experimente atividades como ficar em pé sobre uma perna para praticar o equilíbrio. Certifique-se de ter uma parede ou cadeira para se apoiar se precisar de apoio e tente fechar os olhos para aumentar o nível de desafio. Mesmo os exercícios com duas pernas, como o agachamento, são mais difíceis quando seus olhos estão fechados, o que os torna uma tarefa importante em sua busca para permanecer firme em seus pés.

Treinamento de força

A fraqueza muscular e a fadiga são uma parte da EM que você pode prevenir com o treinamento de força. Experimente atividades como step-up ou agachamento, usando uma cadeira ou corrimão para se equilibrar. Use pesos leves para exercícios de braço. Se você não tem pesos para as mãos, tente exercícios de força de peso corporal, como flexões de parede ou tríceps, usando uma cadeira ou balcão.

Treinamento do core

O core é o conjunto de músculos abdominais, das costas e da pelve ao longo de toda a região do tronco, garantindo equilíbrio e estabilidade. Bons regimes de exercícios incluem um componente central como forma de aumentar o desempenho, bem como prevenir lesões em áreas como a coluna vertebral. Experimente exercícios como elevação da pelve deitado de costas com os joelhos dobrados, e pranchas ou flexões. Se as pranchas e flexões tradicionais forem muito difíceis, tente uma versão modificada de joelhos em vez de pés.

Ioga

Ioga é uma maneira segura e eficaz de melhorar a fadiga, o equilíbrio, a flexibilidade e a força. Alguns benefícios relatados pela após um curto programa de ioga quinzenal de 12 semanas foram: melhora da fadiga, equilíbrio, comprimento da passada e velocidade de caminhada. Embora isso possa não se aplicar para todos, é uma opção para tentar.

 

O exercício pode parecer um desafio quando você se depara com as mudanças físicas provocadas pela EM. Mas construir seu nível de condicionamento físico pode evitar a progressão da doença e ajudá-lo a controlar seus sintomas. Comece devagar com atividades simples com as quais se sinta confortável. Consulte seu médico antes de iniciar um novo programa de exercícios e converse com um fisioterapeuta para escolher os melhores exercícios para você.

Explore mais