AME - Amigos Múltiplos pela Esclerose

LIGUE (11) 3181-8266

Natalizumab tem se mostrado seguro e eficaz para pacientes com EM

Natalizumab tem se mostrado seguro e eficaz para pacientes com EM

Relatório diz que estenter o natalizumab por até 8 semanas tem mostrado seguro e eficaz em pacientes com EM.

Em um estudo com 1.964 pacientes com esclerose múltipla (EM), liderado por pesquisadores da NYU Langone Esclerose Múltipla Comprehensive Care Center, estendendo-se a dose de natalizumab de quatro semanas até 8 semanas mostrou-se bem tolerado e eficaz em pacientes, e resultou em nenhum caso de o efeito colateral potencialmente fatal leucoencefalopatia multifocal progressiva (LMP).

A droga mostrou uma eficácia semelhante no tratamento de atividade da doença entre os pacientes, de acordo com o estudo conduzido por Lana Zhovtis-Ryerson, MD, professor assistente de neurologia da NYU Langone Esclerose Múltipla Comprehensive Care Center.
Os resultados foram apresentados na Academia Americana de Neurologia Reunião Ordinária realizada 18-25 abril, em Washington, DC
Natalizumab é um fármaco conhecido como infusão de um anticorpo monoclonal que é usado para prevenir os sintomas da EM e os surtos, além de retardar o agravamento da deficiência.
No entanto, tomar a medicação por mais de dois anos, pode aumentar o risco de um efeito colateral raro, mas potencialmente fatal chamado PML, uma infecção cerebral incurável causada pelo vírus JC que ocorre em até 1,3 por cento dos pacientes que tomam natalizumab.
O medicamento é normalmente prescrito em infusões de 300 miligramas de quatro em quatro semanas.
"Ainda há muito a conhecer sobre se a droga perderá a eficácia se a dosagem for prorrogada," explica o Dr. Zhovtis-Ryerson. "Nosso estudo mostrou que o tratamento com natalizumab era seguro para pacientes com eficácia semelhante relatada com a dosagem padrão, potencialmente permitindo que pacientes de EM tenham acesso a um tratamento eficaz com uma frequência reduzida de infusões e com menor risco de PML."
Zhotvis-Ryerson e colegas em 10 EUA M.S. Centros procurados para comparar a eficácia e segurança de uma dose de natalizumab estendida para a dose padrão. Eles compararam retrospectivamente 1.078 doentes que tomaram uma dose padrão de 4 semanas a 886 tomando uma dose estendida entre 4 semanas, 3 dias e oito semanas, 5 dias.
Os pesquisadores descobriram que prorrogar o esquema de administração de natalizumab para um período entre 5 e 8 semanas não afeta o perfil de eficácia da droga em 65 por cento dos participantes em cada grupo não mostrou atividade clínica da EM e taxas comparáveis ​​de novas lesões relatadas em ressonância. Zero casos de PML foram relatados no grupo de dosagem estendida, enquanto dois casos foram registrados no grupo de dose padrão, embora os pesquisadores disseram significância estatística ainda não foi alcançado. Não foram relatados outros eventos adversos graves.
"Embora os resultados sejam encorajadores, mais pesquisas são necessárias para determinar se estender a dosagem do natalizumab pode reduzir a progressão da incapacidade," diz o Dr. Zhovtis-Ryerson.
Natalizumab é fabricado pela Biogen Idec e Elan, e vendido sob o nome Tysabri.

NYU Langone Medical Center / New York University School of Medicine. Traduzido livremente. Imagem: Creative Commons.

ame

A AME - Amigos Múltiplos pela Esclerose nasceu do sonho de divulgar a EM e contribuir com a busca de diagnóstico precoce, tratamento adequado e melhora na qualidade de vida dos pacientes, seus amigos e familiares. Somos uma Organização sem Fins Lucrativos que, desde 2012 reúne amigos múltiplos com uma missão de compartilhar informação de qualidade sobre a EM de forma gratuita e acessível.

VER TODOS POSTS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.