Compartilhe este post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter

por Mari Moreira

Oii, como vocês estão?

Passei para dizer, dê uma pausa à mente tagarela eu sei parece estranho dizer isso mas às vezes, é necessário desacelerar um pouco minha mente estava pedindo uma pausa fazia tempo mas, vou admitir no início ignorei o pedido dela mas creio que todos nós já fizemos isso algum dia porém depois, tive que parar e isso foi necessário pois minha mente não parava quieta, ficava pensando mil coisas ao mesmo tempo como por exemplo, como vai ser agora?, eu vou conseguir? ou o então que eu vou fazer? E foi nesse momento em que dei uma pausa, abaixei o volume da tagarela que vive dentro da minha cabeça, percebi que teria tinha que ativar novamente o modo xxx.

Parece estranho mas vou explicar o que é ativar o modo xxx e que a ortografia me perdoe mas às vezes, é necessário recomeçar, reescrever, se reinventar eu sei que fazer isso nem sempre é fácil , ainda mais quando você pára para olhar e parece que o mundo virou de ponta cabeça, por conta de uma situação que muda tudo como por exemplo, perder o emprego, receber um diagnóstico ou como no caso que está acontecendo agora, uma pandemia mundial que paralisou à todos. É claro que não quero comparar o tamanho das situações, mas em todos os exemplos que citei o baque é muito forte e saímos mesmo sem querer da nossa zona de conforto de onde tudo parece mais seguro e tranquilo porém, desistir não será a melhor opção temos que seguir em frente e de alguma maneira traçar uma nova rota.

Usando o exemplo do meu diagnóstico , no início foi difícil por que tudo mudou parecia que alguém havia me virado de ponta cabeça mas, passado algum tempo aceitei o fato de ter EM e passei a olhar a vida por outro ângulo estava ciente de que teria muitos desafios pela frente afinal, um mundo novo estava me esperando e com ele uma nova história a ser escrita então escolhi seguir em frente. E nos últimos tempos a frase que mais escuto é: estamos vivendo o novo normal isso pode assustar sim pois é algo desconhecido porém, eu estou disposta a tentar. E não pretendo desativar mais o modo xxx pois, volta e meia me refaço me reinvento nem sempre é fácil só que eu escolhi seguir em frente e tentar mesmo com as dificuldades e desafios que já enfrentei e sei que ainda vou enfrentar.

Nesses momentos gosto também de lembrar uma música que minha avó Iraci gostava muito que diz: reconhece a queda e não desanima, levanta sacode a poeira e dar a volta por cima.

Bjo,

Mari.

Explore mais

Qualidade de Vida

Mudança de PERSPECTIVA

por Aline Souza Olá meus RAROS! Desde que fui diagnosticada com Esclerose Múltipla eu não tinha noção precisa do que era qualidade de vida.  Para