AME - Amigos Múltiplos pela Esclerose

LIGUE (11) 3181-8266

EM remitente-recorrente (EMRR)

Nesta forma de EM existem exacerbações ou ataques imprevisíveis (chamados de recaídas ou surtos) durante os quais surgem novos sintomas ou os sintomas existentes se tornam mais graves. As recidivas podem durar vários períodos (dias ou meses) e há recuperação parcial ou total (remissão). A doença pode então estar inativa por meses ou anos.

Cerca de 85% das pessoas com EM são inicialmente diagnosticadas com EMRR.

 E por falar em EMRR…

E AGORA, SERA DEPRESSÃO?

Olá amigos múltiplos tudo bem? Bom, entramos em 2019, primeiramente gostaria de desejar muita força, coragem e resiliência para esse ano. Os “astros” nos avisam que teremos momentos tenebrosos. Já estamos tendo a infelicidade de vivenciar aquilo que eu mais temia na vida com Esclerose Múltipla, o caos instalado na

Ler Mais

A necessidade de uma reforma da previdência, humanizada

Bom dia, amigos múltiplos! Que é urgente que haja reforma na previdência não temos dúvida. Num futuro próximo viveremos uma forte crise se nada for feito, levando em conta que o crescimento da população ocorre em ciclos, conforme o conceito que descreve a dinâmica do crescimento. Em outras palavras: a transição

Ler Mais

Cessação da aposentaria – O que fazer?

Lá fui eu para mais uma perícia! Desta vez, depois de quase onze anos de aposentada – confira o recebimento da carta aqui . Munida de laudo médico e exames recentes, lá fui eu de novo! Uma espera de aproximadamente duas horas e eu fui chamada. A médica me olhou e perguntou

Ler Mais

Somos feitos de silêncio e sons.

Adoro usar títulos e trechos de músicas para inspirar minhas postagens. Essa frase é da música “Certas Coisas” do Lulu Santos. Não gosto do silêncio absoluto, mas também não gosto de barulho excessivo. Minha casa nunca está em silêncio, até porque com três crianças isso fica impossível, mas mesmo quando

Ler Mais