Exercícios e Esclerose Múltipla

09 . Set . 2016   /  Qualidade de vida

Tudo começou a acontecer quando trabalhava em uma academia e na hora de fazer  a avaliação física de um aluno e perguntar o que rotineiramente perguntava:

- Você tem alguma doença?

Ele me responde:

-SIM, Esclerose Múltipla.

Naquele momento parei e pensei… puts, como vou fazer o seu plano de treino corretamente ? Enfim, terminei os procedimentos básicos e decidi que faria seu plano outro dia após estudar um pouco sobre o assunto. 

Estudei, fiz o plano e a partir deste dia iniciei meu doutorado…

Enfim, ao realizar muitas pesquisas, percebi que existia uma ideia antiga que acabava de ser derrubada da qual diziam que estes pacientes por vários motivos não poderiam praticar exercício físico.

Porém, já sabemos que a prática de atividades físicas e manter uma vida ativa nos ajuda a controlar vários sintomas do dia-a-dia como o grande vilão do século o estresse, entre outros sintomas, sendo sua principal função manter uma boa qualidade de vida.

E QUEM NÃO GOSTARIA DE VIVER COM UMA BOA QUALIDADE VIDA ???

A relação entre exercício físico e Esclerose Múltipla tem sido muito estudada nas últimas décadas. Estes estudos têm centrado na análise dos seus efeitos benéficos sobre o sistema cardiovascular, músculo-esquelético e também sobre o cérebro, sobretudo na função cognitiva.

A prática regular de exercícios além de melhorar estes sintomas, atua principalmente na FADIGA, uma esmagadora sensação de cansaço sem motivo aparente, podendo afetar de 50% a 80% desses pacientes (Induruwa, 2012), sendo tão persistente que leva a limitações até mesmo na vida social.

Recentemente um estudo apontou que o exercício físico é um fator benéfico (Vucic, 2010) podendo diminuir esta sensação e fazer com que estes pacientes possam ter uma vida social mais ativa.

É preciso compreender que cada pessoa tem um tipo de necessidade.

Cada indivíduo é único (individualidade biológica). Por isso aqui são recomendações …

Procure um profissional de educação física !!!

 

Jéssica Garcia

Especialista em Fisiologia do Exercício pela Universidade Federal de São Carlos
Mestre do programa de Biocinética pela Universidade de Coimbra  

Doutoranda em Ciências do Desporto pela Universidade de Coimbra

Contato: https://www.facebook.com/Exerc%C3%ADcio-e-Esclerose-M%C3%BAltipla-J%C3%A9ssica-Garcia-1310145202348032/

Fonte: Jéssica Garcia

Tags: esclerose múltipla , exercícios , fadiga , qualidade de vida , sintomas

mail link